Nelson Rodrigues

Foi numa crônica recente do Ruy Castro que fiquei sabendo dessa raridade: o documentário Fragmentos de dois escritores.

Aqui você irá encontrar trechos do filme e poderá apreciar um Nelson Rodrigues ainda relativamente jovem sem aquela imagem que tanto o caracterizou no fim da vida. Ao morrer, aos 68 anos, muitos juravam tratar-se de alguém séculos mais velho.

Realizado pelo dramaturgo e diretor teatral João Bethencourt, que julgava o filme perdido, e patrocinado pelo Consulado dos EUA, somos apresentados a um Nelson sem artificialismos, em depoimentos e cenas triviais.

Assim, ele aparece tomando o famoso mingau contra a úlcera, escrevendo em sua Olivetti, assistindo Pelé no Maracanã e gravando a mesa-redonda sobre futebol na TV “A Grande Revista Esportiva Facit”.

A versão integral foi localizada no Arquivo Nacional dos EUA por Carlos Fico e será divulgada em breve pelo Brasil Recente.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Nelson Rodrigues

  1. Pingback: Evoé – Retrato de um antropófago « Caderno ENSAiOS

  2. Pingback: O Poeta do Castelo « Caderno ENSAiOS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s